Vitaminas.com.vc

Diabetes pode fazer o cabelo cair? Entenda



Pense na sua saúde como uma grande árvore, cheia de folhas fortes e saudáveis. Agora imagine que, com o tempo, elas perdem a vitalidade e começam a cair, uma a uma.

É mais ou menos isso que acontece quando se tem diabetes e diversos sintomas começam a aparecer com o tempo, desestabilizando a saúde e roubando cada pedacinho dela.

Uma dessas “folhas” que podem cair é o cabelo, importante ferramenta para a autoestima de homens e mulheres.

O que acontece é que, quando a doença está fora de controle e não está sendo tratada como deveria, os níveis de açúcar no sangue ficam lá em cima por muito tempo, podendo acarretar danos em vários tecidos, órgãos e vasos sanguíneos.

Quando o problema chega na circulação do sangue, seu fluxo acaba sendo restringido. E aí, veja só a bola de neve: as células passam a receber menos oxigênio e nutrientes que o necessário. O estoque fica em baixa.

Como o nosso organismo interpreta que o cabelo é algo “supérfluo” (é possível viver sem fios de cabelo, mas não sem um coração, certo?), ele passa a priorizar órgãos vitais para distribuir os nutrientes recebidos — e aí é problema na certa.

Essa deficiência pode acabar atrapalhando o ciclo de crescimento dos folículos capilares e a temida queda de cabelo pode se tornar realidade.

É como se ele envelhecesse de forma precoce e “morresse” bem antes que o tempo previsto.

Além disso, o estresse por conviver com uma doença crônica pode contribuir para essa perda. A alopecia areata, condição em que o sistema imunológico agride o próprio couro cabeludo, também é diagnosticada com frequência em pessoas com diabetes.

E o que fazer para evitar toda essa dor de cabeça? 

Não há milagres: é preciso retomar as rédeas da saúde e manter os níveis de glicose sob controle.

A diferença está em como isso é feito. Do ponto de vista da saúde natural, existe uma substância chamada picolinato de cromo muito utilizada como aliada para apoiar o combate ao diabetes.

Isso porque o nutriente pode ajudar a potencializar a ação da insulina, evitando picos de açúcar no sangue; auxiliar na redução da glicemia e, de quebra, aumentar a saciedade e dar aquela mãozinha para cortar a vontade de comer doces e outros carboidratos.

Além de ajudar a manter o diabetes controlado, um nutriente que pode ser um bom coadjuvante para auxiliar no estímulo do crescimento dos fios é a biotina.

A biotina é aliada das madeixas por estar associada à produção de queratina, proteína responsável por dar estrutura aos fios, proporcionando elasticidade e resistência ao cabelo.

Conte com ela para te ajudar a promover o crescimento saudável dos fios, fortalecer o cabelo, evitar a quebra e a queda, e ainda proporcionar uma aparência mais bonita às madeixas.

Você também pode gostar de saber…

O Gli Sense é um suplemento alimentar formulado com as dosagens ideais de picolinato de cromo e de outros nutrientes como café verde, pimenta, magnésio, zinco, selênio, vitamina B2, cobre e biotina para apoiar o controle glicêmico de quem tem pré-diabetes, diabetes tipo 2 resistência à insulina e ajudar na redução daquela “tara” por carboidratos. 

Clique aqui para saber mais.

Foto do suplemento alimentar Gli Sense, do Vitaminas.com.vc

Já o Amino Hair é um suplemento que possui uma combinação exclusiva de aminoácidos, minerais e vitaminas (biotina inclusa!) que podem ajudar a nutrir o couro cabeludo de dentro para fora e fornecer todos os nutrientes que o cabelo precisa para crescer forte e saudável.

Conheça agora o Amino Hair e leve seus potes para casa. É só clicar aqui!