Vitaminas.com.vc

Chá de carqueja e seus benefícios para a redução da glicose no sangue



Três-espigas, tiririca de balaio, vassoura… Ou simplesmente carqueja.

Quando pensamos em alternativas para ajudar a derrubar o açúcar do sangue, não são exatamente esses tipos de nomes que vêm à nossa cabeça, não é mesmo? Mas apesar de excêntricos, eles se mostram grandes aliados quando o objetivo é baixar a glicose de forma natural.

A erva carqueja (Baccharis trimera), também conhecida popularmente por todas essas variações citadas acima, é uma ótima coadjuvante no tratamento da diabetes e suas complicações graças aos seus poderes anti-inflamatórios, hipoglicemiantes (para diminuir a glicose no sangue) e até antioxidantes.

Imaginamos que você já esteja querendo saber como preparar o chá de carqueja para obter esses benefícios, não é mesmo? Já, já daremos o passo a passo para que você faça em casa da forma correta.

Antes, vamos te contar um pouco mais sobre o potencial dessa planta.

Os diversos compostos bioativos encontrados na carqueja, como a apigenina, luteolina e quercetina, dão aquela ajuda bem-vinda que pode regular o metabolismo da glicose no corpo e, assim, melhorar a sensibilidade à insulina.

Parece uma coisa muito complicada, não é? Mas o que precisamos saber aqui é que a planta favorece um bom controle do açúcar. Um estudo feito pela Universidade Federal de Ouro Preto, em Minas Gerais, confirma essa informação.

Ilustração da planta carqueja, que dá origem ao chá de carqueja

Os pesquisadores brasileiros testaram a planta em ratos diabéticos e, após sete dias de acompanhamento, observaram melhora das taxas glicêmicas, da função hepática e até diminuição do dano oxidativo, que podem dificultar ainda mais o sucesso no combate a diabetes.

Isso sem mencionar que, com seu consumo, o sangue pode fluir melhor, contribuindo até para a tão sonhada pressão 12×8. 

Ah! E com todas essas riquíssimas propriedades medicinais da carqueja, também é possível obter uma ajuda para eliminar aqueles quilos que você tenta perder há tanto tempo. Isso porque o ácido cafeico da carqueja é termogênico e acelera o metabolismo, promovendo a queima de gorduras com mais rapidez e, facilitando, então, o emagrecimento.

Além disso, esse chá é diurético e elimina o acúmulo de líquidos que mantém o corpo inchado. 

Gostou de saber de tudo isso? Agora, fique com a receita do chá que prometemos. A indicação é da professora Lara Gabriel Cerqueira, nutricionista expert em fitoterapia que conduz, na Jolivi, o projeto Plantas & Bem Estar.

Chá de carqueja (Baccharis trimera)

Ingredientes
2,5 g (2,5 colheres de chá das folhas da carqueja)
150 ml (1 xíc. de chá) de água

Preparo
Coloque as folhas em uma xícara, despeje a água quente por cima e tampe com a ajuda de um pires. Aguarde de 8 a 10 minutos e pronto! Não vale adoçar, hein?

Consumo
Você pode tomar 1 xícara de chá (150 ml) de duas a três vezes ao dia. A cada 15-30 dias, faça um rodízio e troque por outro chá para manter os efeitos terapêuticos da sua bebida. Pode ser, por exemplo, o melão de São Caetano.

Contraindicações
Gestantes e lactantes não devem consumir o chá de carqueja. Efeito laxante e queda de pressão  estão entre seus possíveis efeitos colaterais. Quem usa medicamentos para pressão alta e para o diabetes deve fazer o monitoramento com seu médico de confiança.

Uma sugestão para você:

Além do auxílio dos chás e de uma alimentação saudável, a suplementação também pode ser uma alternativa para ajudar a diminuir as taxas de açúcar no sangue.

O Gli Sense, por exemplo, é um suplemento alimentar com picolinato de cromo, substância conhecida por dar aquela ajuda extra na redução da glicose.

Foto do suplemento alimentar Gli Sense, do Vitaminas.com.vc

Um estudo apresentado no Simpósio Internacional sobre os Efeitos do Cromo Dietético na Saúde, nos Estados Unidos, demonstrou, inclusive, que o nutriente pode colaborar para uma melhora significativa na sensibilidade à insulina.

A descoberta veio após um experimento com 29 pessoas com alto risco de diabetes tipo 2 devido à histórico familiar e obesidade. Durante oito meses, uma parte desse grupo suplementou picolinato de cromo, enquanto a outra recebeu placebo. 

Surpreendentemente, a substância diminuiu cerca de 33% da resistência à insulina e em 23% a insulina em jejum daqueles que tomaram o picolinato. 

Referências bibliográficas:

do Nascimento Kaut NN, Rabelo ACS, Araujo GR, Taylor JG, Silva ME, Pedrosa ML, Chaves MM, Rossoni Junior JV, Costa DC. Baccharis trimera (Carqueja) Improves Metabolic and Redox Status in an Experimental Model of Type 1 Diabetes. Evid Based Complement Alternat Med. 2018 Dec 4;2018:6532637. doi: 10.1155/2018/6532637. PMID: 30622608; PMCID: PMC6304562.

William T. Cefalu, Audrey D. Bell-Farrow, Jane Stegner, Zhong Q. Wang, Telle King, Tim Morgan, James G. Terry. Effect of chromium picolinate on insulin sensitivity in vivo.