5 benefícios comprovados do ‘Viagra dos Incas’



O ano é 1.200…

O Imperador Inca guardava um segredo. Só ele conhecia uma raiz com alto poder energético e nutricional.

Então traçou um plano. Com o intuito de aumentar a força e a disposição de seus soldados na hora do combate, o Imperador incluiu o tal superalimento no cardápio de seus homens de confiança. A ideia vingou!

Os guerreiros passaram a vencer mais batalhas, porém, tiveram um efeito colateral importante…. um aumento do apetite sexual.

É assim que o povo andino costuma contar a história do “Viagra dos Incas”.

Centenas de anos depois, a ciência comprova que existem verdades por trás dessa lenda popular.

A raiz que aumenta o desejo sexual e reduz a ansiedade

Já conseguiu adivinhar do que estamos falando? Da maca peruana.

Maca peruana em pó e em cápsulas

Maca peruana é considerada um ‘viagra’ natural

Um estudo realizado em Lima, no Peru, comparou os efeitos da planta de nome científico Lepidium meyenii em dois grupos.

As duas turmas eram formadas por homens com idades entre 21 e 56 anos. Porém uma delas usou o composto de fama afrodisíaca. E a outra não.

Durante 12 semanas, o grupo que suplementou a raiz teve os níveis de testosterona aumentados e demonstrou melhora do desejo sexual em relação ao grupo placebo.

Esse alimento cultivado nas montanhas elevadas dos Andes, além da melhora na vida sexual, tem dezenas de propriedades benéficas para a saúde.

5 benefícios comprovados da Maca Peruana

 

ESTÁ GOSTANDO DESSE ARTIGO?
Insira seu e-mail e comece já a receber nossos conteúdos gratuitos e novos produtos!

* Não vamos distribuir seu e-mail

1 – Virilidade e fertilidade

A maca peruana é uma planta adaptógena, ou seja, se adapta às necessidades do organismo dos homens e de mulheres.

De acordo com um estudo conduzido na Universidade peruana Cayetano Heredia, além de alavancar o desejo sexual, o consumo frequente do “ginseng andino” também aumenta a fertilidade.

Isso porque o superalimento possui propriedades que estimulam a produção de espermatozóides nos machos e faz diminuir a mortalidade dos embriões nas fêmeas.

2 – “Elixir” da energia

A raiz de maca é forte, sobrevive em regiões frias a uma altitude de quase 4 mil metros acima do nível do mar.

Parte do seu sucesso é atribuído às adversidades que a planta encontra para crescer.

A maca peruana é rica em flavonoides, que são compostos antioxidantes que fazem com que a planta resista à oxidação e às mudanças de temperaturas. Esses flavonoides também podem beneficiar a nossa saúde mental.

Uma pesquisa conduzida na Universidade de Victoria, na Austrália, demonstrou que o consumo da raiz é capaz de combater a ansiedade e a depressão. No estudo, os indivíduos que suplementaram maca peruana relataram melhora dos sintomas e aumento do ânimo e da disposição.

3 – Diminui o tamanho da próstata 

Assim como o óleo de semente de abóbora, o “Viagra dos Incas” pode reduzir o tamanho da próstata.

Uma pesquisa realizada com roedores na terra da maca peruana revelou que a planta possui substâncias chamadas de glucosinolatos, compostos fitoquímicos que ajudam a reduzir o tamanho da glândula genital masculina, combatendo os sintomas da hiperplasia prostática benigna (HPB).

Os cientistas peruanos compararam os efeitos das 3 colorações mais comuns da raiz na saúde dos machos e descobriram que o extrato da maca vermelha foi capaz de diminuir o tamanho da próstata dos roedores após 42 dias de uso contínuo.

4 – Pode combater o diabetes tipo 2 e a pressão alta

Por ser rica em fibras, a maca peruana impede a liberação rápida dos níveis de açúcar no sangue, regulando a glicose e o metabolismo de insulina.

Pesquisadores também já associaram o consumo da planta a redução da pressão arterial, por isso, ela pode ser consumida com segurança por pessoas hipertensas.

5 – Ajuda mulheres na menopausa

Devido a queda natural de estrogênio, o período da menopausa pode acarretar muitos sintomas desagradáveis como secura vaginal, alterações de humor e os famosos calorões.

O consumo da maca peruana ajuda a combater todas essas queixas porque reequilibra os níveis desse hormônio tão importante para a saúde e bem-estar das mulheres.

Como tomar maca peruana

 

Bebida com maca peruana

Maca peruana pode ser adicionada a alimentos e bebidas

A dose diária recomendada é de até 1 colher de sopa de pó de maca peruana adicionada a alimentos com temperatura ambiente. Você pode polvilhar no tempero da salada, em caldos e ou até mesmo no suco.

Em cápsulas, o recomendado é ingerir de 1 a 2 unidades de 500 mg ao longo do dia.

A maca peruana pode ser encontrada facilmente em lojas de produtos naturais nas cores amarela, vermelha e preta. Para usufruir de todos os benefícios, procure marcas de confiança no mercado. Converse com seu médico ou nutricionista sobre as doses adequadas para o seu caso.

Gostou desse conteúdo? Deixe seus comentários e compartilhe nas redes sociais.